Obra da Manuel Mateus Frazão ganha prémio Nuno Teotónio Pereira

A reabilitação do edifício "Santa Clara 1728", em Lisboa, projetada por Manuel Aires Mateus e executada pela empresa Manuel Mateus Frazão, sediada em Alcobaça, ganhou o prémio Nuno Teotónio Pereira 2017.

A obra ganhou o prémio, atribuído pelo Instituto de Habitação e da Reabilitação Urbana, na variante reabilitação de edifício habitacional. "Uma arquitetura chã que combina poucos elementos, mas que procura uma qualidade na utilização de materiais muito reais, uma ideia de autêntico e, portanto, atemporal", refere o júri do prémio.

A iniciativa decorreu com a intenção de "recuperar e restaurar o maior número de elementos existentes neste edifício", localizado junto ao Panteão, "restituindo-lhe o carácter inicial e a dignidade da época a que remonta". O edifício histórico tem cinco pisos e destina-se a habitação e turismo.

Este prémio é considerado o "mais antigo do setor da construção e do imobiliário em Portugal".