PSD/Alcobaça quer recuperar maioria absoluta e critica Governo

O PSD/Alcobaça apresentou, no passado dia 4, as listas candidatas às próximas eleições autárquicas perante o Cine-teatro João d’Oliva Monteiro repleto de apoiantes. O objetivo é claro: “recuperar a maioria absoluta” na Câmara.

Paulo Inácio, que concorre a um último mandato no cargo, evocou Francisco Sá Carneiro para defender que “Alcobaça está primeiro que tudo”, só depois “vem a democracia e o PSD”. “As pessoas são elemento principal no desenvolvimento de uma sociedade”, argumentou o chefe do executivo municipal. O modelo proposto por Paulo Inácio passa por “continuar a apostar na ação social”. Além disso, o candidato deixou o compromisso de alargar a oferta de manuais escolares aos alunos do 2.º ciclo de escolaridade no próximo ano letivo e de “batalhar” por uma saída do IC9 em Aljubarrota. “O Governo nacional está a envergonhar Aljubarrota”, referiu Paulo Inácio. 

As críticas ao PS surgiram, também, de Teresa Morais, vice-presidente da Comissão Política Nacional do PSD, que se mostrou “perplexa” com a gestão governativa nacional “anacrónica”. 

No que toca às Juntas, Valter Ribeiro, presidente do PSD/Alcobaça, está confiante que o partido pode conquistar a maioria das Assembleias de Freguesia, “recuperando” Alcobaça e Vestiaria e Benedita, duas das juntas mais importantes do concelho que perdeu para o PS há quatro anos.

Já Rui Rocha, presidente da Distrital de Leiria do PSD, congratulou o trabalho realizado por Paulo Inácio e mostrou confiança na “melhoria significativa” dos resultados alcançados em 2013.