Kempo: Escola da Benedita soma 17 medalhas no WAC 2019

A Escola de Kempo da Benedita, pertencente à Associação de Kempo e Kajukenbo de Lisboa, conquistou 17 medalhas no campeonato do Mundo de artes marciais e desportos de combate, all styles, que decorreu, este fim de semana, em Caldas da Rainha.

Beatriz Luís, Oriana Silva e Matilde Bento conquistaram o ouro na vertente de formas de equipas de mãos vazias (conhecido por katas), com as duas últimas a ficarem com o bronze no combate rumble (no fim do combate anuncia-se o vencedor por contagem de pontos) e na prova de forma com arma, respetivamente.

Titânia Belo ganhou o ouro em combate semi (combate pára cada vez que é marcado um ponto) e Isabela Tomaz ficou em 2.º lugar na vertente de formas de mãos vazias.

Nos masculinos, Pedro Ribeiro, único atleta da equipa da Benedita a competir com mais de 11 anos, foi ouro em formas de mãos vazias e prata em formas com arma. João Diogo ficou no 1.º lugar em formas de mãos vazias e Pedro Silva venceu em rumble e ficou em 3.º em semi. Lourenço Santos ficou no 3.º lugar em rumble.

Por seu turno, Joaquim Carvalho ganhou a prata em semi e rumble, já Dinis Costa ficou em 2.º e 3.º lugar de formas com arma e rumble, respetivamente.

Gabriel Barreiro e Miguel Farias não conseguiram qualquer medalha pela escolada Benedita.