Segunda-feira, Junho 24, 2024
Segunda-feira, Junho 24, 2024

Ministra anuncia projeto do regadio da Cela

Data:

Partilhar artigo:

A ministra da Agricultura e do Mar anunciou, este domingo, durante a conferência pública Made in Cister:Fruticultura, a formalização da candidatura do regadio da Cela a fundos comunitários, num projeto avaliado em 10 milhões de euros.

A ministra da Agricultura e do Mar anunciou, este domingo, durante a conferência pública Made in Cister:Fruticultura, a formalização da candidatura do regadio da Cela a fundos comunitários, num projeto avaliado em 10 milhões de euros.

Assunção Cristas aproveitou o evento, organizado pelo Região de Cister e que decorreu num pomar do Paúl da Cela, para anunciar que a candidatura foi submetida a 1 de setembro e que o concurso, aberto até 31 de outubro, “poderá andar rápido”.

Região de Cister - Assine Já!

“Esta é uma infraestrutura muito antiga, com muitas deficiências, a carecer de uma intervenção, que estava sinalizada e que, muitas vezes, disse que era prioritária para entrar na primeira leva do PDR 2020. Estou certa que estaremos perante um caso bem sucedido e expectante que, com este projeto de modernização e aproveitamento agrícola, se chegue aos 100% de adesão dos terrenos”, declarou a governante.

Perante uma plateia de mais de uma centena de pessoas, entre produtores, agentes do setor da fruticultura e autarcas, a ministra considerou que o regadio da Cela vai ser “mais um exemplo claríssimo de sucesso do regadio, exemplo que pode ser apresentado a nível internacional, da forma como utilizamos a água”.

Assunção Cristas revelou, ainda, a vontade de transformar a Estação Vieira Natividade num centro de competências da fruticultura. “Acredito que é a produção que pode orientar uma investigação aplicada. Hoje também as universidades querem trabalhar com a produção e encontrar linhas de investigação que sejam consequentes e que respondam aos desafios e aos obstáculos e problemas no curto e médio prazo, mas que também saibam antecipar problemas e, muitas vezes, encontrar oportunidades onde, por ventura, elas ainda não tinham sido identificadas”, frisou a ministra.

AD Footer

Artigos Relacionados

Construção de nova ponte do Rio da Areia está (finalmente) no terreno

Há dois anos e meio que não há forma de atravessar o Rio da Areia, em Valado dos...

Lucas Ribeiro viverá primeira aventura no andebol espanhol

O Atlético Valladolid é o novo clube do pataiense Lucas Ribeiro, ele que deixa o Póvoa AC, da...

Ausência de candidaturas motiva comissão admistrativa nos Bombeiros da Benedita

Estava marcada para a passada sexta-feira uma assembleia geral para a eleição de uma nova Direção da Associação...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!