Sexta-feira, Julho 12, 2024
Sexta-feira, Julho 12, 2024

Alcobaça no topo do número de mortes em acidentes de trator

Data:

Partilhar artigo:

Alcobaça tem uma elevada taxa de mortalidade em acidentes com máquinas agrícolas. Este ano, só no concelho, já se registaram quatro mortes. Os dados avançados pela Direção Regional de Agricultura e Pescas de Lisboa e Vale do Tejo (DRAPLVT) revelam que das 33 mortes resultantes de acidentes com máquinas agrícolas, entre 2013 e 2015, seis registaram-se em Rio Maior e cinco em Alcobaça.

Alcobaça tem uma elevada taxa de mortalidade em acidentes com máquinas agrícolas. Este ano, só no concelho, já se registaram quatro mortes. Os dados avançados pela Direção Regional de Agricultura e Pescas de Lisboa e Vale do Tejo (DRAPLVT) revelam que das 33 mortes resultantes de acidentes com máquinas agrícolas, entre 2013 e 2015, seis registaram-se em Rio Maior e cinco em Alcobaça.

Em junho, um homem de 74 anos perdeu a vida em Facho (Cela). No mesmo mês, no dia 24, em Zambujeira (Turquel) mais um agricultor de 71 anos morre. No mês seguinte, um homem de 80 anos faleceu em Casal Jorge Dias (Cela). Em agosto do ano passado, em Alpedriz, a quinta vítima mortal tinha 60 anos. O acidente com o trator em Montes que provocou a morte de um jovem de 20 anos não foi contabilizado pela DRAPLVT, por se tratar de um acidente rodoviário. 

Região de Cister - Assine já!

Com três mortes registadas, Óbidos é o terceiro da lista na região, sendo que Torres Vedras, Cadaval e Caldas das Rainha registaram um morto. Bombarral, Nazaré e Peniche não tiveram nenhuma vítima mortal, segundo os dados fornecidos pela proteção Civil à DRAPLVT. 

Em relação ao número de  feridos, Alcobaça registou em 2014 um ferido leve na Cela e outro em Mosqueiros (Alfeizerão) e em 2013 contabilizam-se dois feridos leves em Pataias-Gare e um ferido grave no Bárrio. Caldas da Rainha surge no topo da lista, com seis feridos, seguido de Alcobaça e Lourinhã (5), Bombarral, Óbidos e Torres Vedras (4), Peniche (3) e Cadaval (2). 

“São números preocupantes para um concelho muito dedicado à atividade agrícola”, considera o comandante dos Bombeiros de Alcobaça, Mário Cerol, mostrando-se empenhado em criar uma campanha de sensibilização com outras entidades de forma a reduzir o número de acidentes com máquinas agrícolas.

 A GNR realiza até ao próximo dia 29 deste mês um conjunto de ações de sensibilização dirigidas a condutores de tratores agrícolas com o objetivo de os alertar para o cumprimento das regras de segurança, numa operação denominada “Santo António”.

Os militares vão transmitir conselhos de segurança através de contactos pessoais e ações em sala, a realizar em todo o País. Para combater os acidentes com tratores agrícolas, a GNR aconselha os condutores a fazer a manutenção do veículo, utilizar os acessórios de iluminação e sinalização, frequentar ações de formação teóricas e práticas e não conduzir sob efeito de álcool, fadiga ou excesso de velocidade.

AD Footer

Artigos Relacionados

O Caminho da mudança

por vezes, pode parecer impossível mudar; mas isso acontece unicamente até “ser feito Teresa Radamanto Este mês apraz-me discutir a...

Obras de arte em pedra evocam Salgueiro Maia

As instalações da MVC – Portuguese Limestones serviram de palco a uma sentida homenagem a Salgueiro Maia, na...

Futebo de praia: Sótão goleia e mantém registo 100% vitorioso na elite

É certo que já tem presença confirmada, pelo segundo ano consecutivo, na fase decisiva da Divisão de Elite....

Futebol: U. Turquel volta às competições seniores da AF Leiria 14 anos depois

Em 2010, jogava-se num pelado em Turquel, e as infraestruturas não eram o que são hoje. A formação...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!