Domingo, Julho 3, 2022
Domingo, Julho 3, 2022

Câmara de Porto de Mós quer ampliar escola secundária para acolher 2.º ciclo

Data:

Partilhar artigo:

A Câmara de Porto de Mós quer ampliar a Escola Secundária de Porto de Mós para acolher os alunos da Escola Básica Dr. Manuel de Oliveira Perpétua, na Corredoura, escola onde a autarquia pretende encerrar a atividade letiva.

A Câmara de Porto de Mós quer ampliar a Escola Secundária de Porto de Mós para acolher os alunos da Escola Básica Dr. Manuel de Oliveira Perpétua, na Corredoura, escola onde a autarquia pretende encerrar a atividade letiva.

“Precisamos de uma escola ampliada, requalificada, para dar uma maior dignidade aos alunos da Escola Básica Dr. Manuel de Oliveira Perpétua”, sublinhou o presidente da Câmara, na passada reunião do executivo municipal, enquanto se discutia o protocolo com o Estado para a retirada de materiais com amianto nestes dois estabelecimentos de ensino, prevista para as férias do Natal do próximo ano letivo.

“Por falta de condições desta escola, os pais dos alunos que entram no 2.º ciclo optam por colocá-los em Alcobaça e na Batalha”, frisou Jorge Vala, acrescentando que a solução passa por descontinuar esta instituição de ensino. “No entanto a ampliação da Escola Secundária terá de ser empurrada para o próximo ano”, lamentou o autarca.

Para acomodar os alunos do 2.º ciclo, numa perspetiva de otimização de recursos, o Município está disponível a comparticipar o projeto de ampliação no valor de aproximadamente 150 mil euros e, em caso de candidatura, comparticipar 50% da componente nacional, correspondente a valores próximos de meio milhão de euros, avançou a autarquia.

“Ao nível pedagógico, esta junção faz todo o sentido, quer para alunos, quer para professores”, refere Rui Almeida, diretor do Agrupamento de Escolas de Porto de Mós, em declarações ao Região de Cister, salientando a urgente necessidade de uma intervenção na escola-sede.

“A articulação entre os vários níveis de ensino é facilitada quer ao nível das aprendizagens quer ao nível da partilha e socialização, indo também ao encontro das políticas educativas do atual Governo”, defende também Telma Cruz, vereadora da Educação da Câmara.

 

AD Footer
spot_img

Artigos Relacionados

Duas empresas de Alcobaça distinguidas como “Gazela 2021”

A construtora A.B. Inácio, LDA, sediada na Benedita, e a fabricante HC - Caixilharia LDA, localizada na Cela...

Aluno da Escola D. Pedro I conquistou 1.º prémio nas Olimpíadas da Cultura Clássica

António Maria Jorge, aluno da Escola Básica 2,3 D. Pedro I de Alcobaça, ganhou o 1.º prémio nas...

Futsal: Uma década de “ouro” coroada com o 25.º título

O Sporting revalidou o título nacional, no passado sábado, depois de vencer o Benfica (4-3) no terceiro jogo...

Vai uma “jogatana” de padel?

Pode parecer estranho, mas esta história sobre o padel começa a ser contada por um treinador de... futsal....

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!