Eurodeputado da CDU leva polémica do zipline a Bruxelas

O eurodeputado João Pimenta Lopes abordou a polémica da instalação do zipline na Nazaré numa intervenção no Parlamento Europeu.

O eleito da CDU, que esteve recentemente na vila, apresentou uma pergunta escrita visando saber se existe “alguma candidatura a fundos comunitários para a construção desta infraestrutura”, notando que o zipline poderá “ameaçar o património geológico do promontório e interferir com a paisagem do promontório”.

O assunto voltou a ser discutido na Assembleia Municipal da Nazaré, na sessão da passada terça-feira, por intermédio de António Manuel Caria dos Santos. No período de intervenção do público, o candidato da CDU à Câmara da Nazaré nas últimas autárquicas e elemento do movimento cívico contra a instalação do zipline, contestou o surgimento “desde há alguns meses” de “propaganda do zipline” nas caixas de correio e da publicação de “vídeos promocionais do projeto” numa rede social. 

“O último vídeo publicado tem entrevistas a pessoas locais e de fora e visa promover o projeto. Nós não temos respostas [do concurso público], mas parece que esta empresa já sabe tudo”, lamentou o antigo deputado municipal, pedido aos eleitos na Assembleia Municipal para “não ignorarem os impactos” daquele projeto. “Ainda há tempo para debater e esclarecer todos os pontos de vista”, considerou António Manuel Caria dos Santos, antes de garantir que o movimento cívico irá “rebater no momento certo as imensas falsidades da empresa concorrente, se isso for necessário”.

O projeto “Voa Nazaré” publicou no Facebook diversos vídeos nos últimos meses, o último dos quais a 7 de abril, em que indica, inclusivamente, o local de “chegada” da tirolesa.