Região tem duas Empresas Gazela

A Nespa, empresa sediada em Vale Maceira, na freguesia de Alfeizerão, e a Urios Portugal, sediada em São Jorge, na freguesia de Calvaria de Cima, foram as duas empresas da região distinguidas como Empresas Gazela 2019.

A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) efetuou, pelo oitavo ano consecutivo, o apuramento das empresas gazela existentes na Região Centro em 2019, com base em informação económica disponível para 2018. O conceito de empresa “gazela” assumido internacionalmente corresponde a empresas jovens (idade igual ou inferior a cinco anos no início do período de observação) e com elevados ritmos de crescimento, sustentados ao longo do tempo. São empresas com ritmos de crescimento muito elevados (acima de 20% ao ano) e com uma criação de postos de trabalho muito significativa.

Foram identificadas 112 empresas gazela da Região Centro, em 2019. Em termos comparativos, o número de empresas gazela identificadas da Região Centro aumentou (18%) face ao ano de 2018, passando de 95 para 112 empresas. Desde que a CCDRC efetua este apuramento, é este o ano com mais empresas a cumprir os critérios “empresas gazela”. Os concelhos de Leiria (14), Coimbra (9) e Aveiro (8) são os que têm um maior número. 

Já no ano passado, a Nespa tinha sido uma das três empresas Gazela do concelho de Alcobaça. 

As empresas Gazela 2019 apresentam crescimentos do volume de negócios superiores a 20% ao ano em 2016, 2017 e 2018, foram constituídas a partir de 2010 e possuem a sua sede na Região Centro. Empregavam pelo menos 10 trabalhadores em 2018 e possuíam faturação igual ou superior a 500 mil euros em 2018.