Quinta-feira, Dezembro 1, 2022
Quinta-feira, Dezembro 1, 2022

Estratégia para Alcobaça inclui meia centena de projetos

Data:

Partilhar artigo:

A Câmara de Alcobaça apresentou esta sexta-feira, numa sessão pública no auditório da Biblioteca Municipal, o projeto estratégico de desenvolvimento para o concelho, que serve de suporte para as candidaturas a fundos comunitários no âmbito do Quadro Estratégico Europeu 2014-2020.

A Câmara de Alcobaça apresentou esta sexta-feira, numa sessão pública no auditório da Biblioteca Municipal, o projeto estratégico de desenvolvimento para o concelho, que serve de suporte para as candidaturas a fundos comunitários no âmbito do Quadro Estratégico Europeu 2014-2020.

Foram apresentadas cerca de meia centena de propostas de investimento, com a novidade a residir na criação de um centro logístico para a indústria agro-alimentar em Alfeizerão, que servirá para armazenamento, transporte e distribuição.

Região de Cister - Assine já!

Projetos já conhecidos como a Área de Localização Empresarial da Benedita, a Área de Interpretação Florestal na Mata Nacional do Vimeiro, a Requalificação da Lagoa de Pataias, o Hotel de luxo no Mosteiro, o Museu do Vinho ou a Central Elétrica da Fervença integram os sete eixos da estratégia do município.

O presidente da Câmara explicou que o plano “foi um trabalho de muitos meses, com contributos extraordinários de muitas entidades”. “Apesar de ser uma base, a visão de desenvolvimento do concelho não se esgota neste quadro”, salientou Paulo Inácio, revelando que “há outros projetos a implementar a longo prazo”.

Mais de uma centena de pessoas compareceu à sessão pública, na qual se confirmou a importância do rio Alcôa para a estratégia de desenvolvimento de Alcobaça. O impacto da reabilitação urbana do rio irá ocorrer numa extensão de 17 quilómetros, numa área de 900 hectares, prevendo intervenções a partir de Chiqueda. “Grande parte destas ações são articuladas com o plano estratégico do concelho, que permite dar substância a este projeto dedicado ao rio Alcôa”, sublinhou o autarca, notando a mais-valia da iniciativa, que pressupõe a melhoria da qualidade da água, a valorização ambiental e paisagística do percurso do rio e a reabilitação do sistema hidráulico cisterciense.

AD Footer

Artigos Relacionados

APFCAN reflorestou 200 hectares desde grande incêndio de 2017

A reflorestação da área florestal que se estende até ao mar nos concelhos de Alcobaça e Nazaré é...

Alunos da Escola D. Pedro I em projeto “Music and Sports” na Turquia

Ângelo Antanoa (9.ºC), Gonçalo Domingues (9.ºB), Simão Dias (9.ºC) e Simão Fernandes (9.ºA) foram os alunos da Escola...

Concerto de Toy levou um milhar de pessoas ao pavilhão dos Bombeiros da Benedita

O pavilhão dos Bombeiros da Benedita engalanou-se, na noite da passada sexta-feira, para receber o concerto de Toy....

HC Turquel aplica goleada e reafirma candidatura à subida de divisão

O HC Turquel goleou na receção ao HC Sintra (6-2), no passado sábado, e reafirmou a sua candidatura...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!