Domingo, Novembro 27, 2022
Domingo, Novembro 27, 2022

Arrancaram as obras na estrada entre Pataias e Casal da Areia

Data:

Partilhar artigo:

Os presidentes das Câmaras de Alcobaça e Nazaré visitaram, esta terça-feira, os trabalhos de beneficiação da Estrada Municipal 549, que liga Alcobaça a Pataias. A obra, que está orçada em 250 mil euros, deverá estar concluída no fim de outubro.  

Os presidentes das Câmaras de Alcobaça e Nazaré visitaram, esta terça-feira, os trabalhos de beneficiação da Estrada Municipal 549, que liga Alcobaça a Pataias. A obra, que está orçada em 250 mil euros, deverá estar concluída no fim de outubro. 

“Esta estrada tem problemas de condições de segurança rodoviária e há muitos anos que era reivindicada pela população dos dois concelhos. Mas por força do protocolo que conseguimos fazer com a Câmara da Nazaré é possível estarmos a executar esta obra”, assinalou o presidente da Câmara de Alcobaça. “A obra é realizada em nome da segurança rodoviária e para solucionar o problema da degradação do piso”, explicou Paulo Inácio, apelando à população que “depois da estrada estar requalificada não utilize a estrada com excessiva velocidade, podendo depois causar outro tipo de problemas”. “Vamos estar atentos em termos de sinalética ou de alguma outra situação de reforço de segurança rodoviária”, garantiu o autarca.

Região de Cister - Assine já!

“Uma vez que sabemos o perigo que esta estrada coloca no estado em que está atualmente, a partir do momento em que fomos contactados pela Câmara de Alcobaça o entendimento e o acordo de partilhar os custos foi total”, referiu o presidente da Câmara da Nazaré. “Sendo uma via prioritária de ligação do Casal da Areia com Pataias, atravessa uma parte bastante significativa no concelho da Nazaré e acaba por servir o lugar de Fanhais”, salientou Walter Chicharro.

Com uma extensão de 4,5 quilómetros, a estrada terá alguns condicionamentos de trânsito durante o período de execução da obra, mas “não se prevê o corte da mesma”. 

Esta é uma das obras mais reclamadas pelas populações do concelho de Alcobaça e que chegou a originar uma ação de protesto, em fevereiro de 2013. Cerca de meia centena de pessoas participaram num buzinão e numa marcha lenta, exigindo à Câmara de Alcobaça uma solução para uma das estradas mais movimentadas do concelho e da região.

Inicialmente, a autarquia chegou a ponderar a possibilidade de acertar com o município vizinho a revisão dos limites dos concelhos, como forma de ultrapassar a impossibilidade de intervir na via. Porém, as duas autarquias chegaram a um entendimento, repartindo o valor da obra.

AD Footer

Artigos Relacionados

Hélder Roque assume direção clínica das clínicas do Grupo H Saúde

Hélder Roque é o novo diretor clínico da Clínica das Olhalvas- Leiria, da Policlínica Central da Benedita e...

Orquestra Típica e Coral de Alcobaça voltou aos palcos três anos depois

Depois de cerca de três anos com a atividade suspensa, a Orquestra Típica e Coral de Alcobaça voltou...

Degustação de vinhos e sabores locais apreciada por 1 milhar de pessoas no Vimeiro

A “I Degustação de vinhos e sabores da terra”, evento promovido pelo Círculo de Arte, Cultura e Desporto...

Ana Pagará reconduzida como diretora do Mosteiro de Alcobaça

Ana Pagará foi reconduzida no cargo de diretora do Mosteiro de Alcobaça, para uma comissão de serviço de...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!