Sábado, Abril 13, 2024
Sábado, Abril 13, 2024

Alunos decoram espaço da Pediatria do Hospital de Alcobaça

Data:

Partilhar artigo:

Cerca de duas dezenas de alunos finalistas do curso de Artes da Escola D. Inês de Castro (ESDICA), em Alcobaça, criaram uma estória para… pintar. Um mês, entre tintas e pincéis, resultou numa nova decoração do espaço da Consulta Externa de Pediatria, no Hospital de Alcobaça Bernardino Lopes de Oliveira, que vai ajudar a dar cor aos sonhos das crianças que por lá passam.

Cerca de duas dezenas de alunos finalistas do curso de Artes da Escola D. Inês de Castro (ESDICA), em Alcobaça, criaram uma estória para… pintar. Um mês, entre tintas e pincéis, resultou numa nova decoração do espaço da Consulta Externa de Pediatria, no Hospital de Alcobaça Bernardino Lopes de Oliveira, que vai ajudar a dar cor aos sonhos das crianças que por lá passam.

O desafio partiu da Direção do hospital, passou pelo diretor da ESDICA e chegou às mãos da professora de Artes, Isabel Carvalho, que orientou os alunos durante todo o projeto. Com esta nova decoração, apresentada, oficialmente ontem, “canaliza-se a atenção das crianças para o sonho, para a arte e as cores vivas, fomentando o otimismo, o que ajuda no reforço das defesas e, consequentemente, a controlar melhor as doenças”, explica o diretor do serviço de pediatria do hospital. Bilhota Xavier acrescenta ainda que “a pintura não é só para as crianças, mas também para as famílias e para os profissionais que todos os dias por aqui passam”.

Região de Cister - Assine Já!

Nas paredes agora constam os rios Alcoa e Baça, o Mosteiro e  D. Inês de Castro, em destaque branco, por cima de todas as cores que preenchem de alto a baixo as paredes da sala de espera. Também lá pintados ficaram os nomes dos artistas que as coloriram, eternizados “para que, um dia mais tarde, quando visitarem o espaço, já enquanto pais, se possam recordar que contribuíram para alegrar a espera dos que lá passam”, realça o diretor do serviço de pediatria. “Considerámos importante haver uma interligação entre a educação e a saúde, por isso contactámos os alunos, em vez de contratar alguém”, sublinha Bilhota Xavier.

A parte criativa “foi a mais demorada e difícil de todo o processo”, conta a professora, que guiou os alunos, ainda nas primeiras ideias rabiscadas no papel até às últimas pinceladas na parede. “Foi uma ótima oportunidade de eles saírem fora da sala de aula, podendo assim fazer arte no terreno”, reforça Isabel Carvalho.

“Este é um feliz exemplo das escolas como peça fundamental na sociedade em que se insere”, sublinhou o diretor do Agrupamento de Cister. “Há que fazer coisas boas e bonitas e, este, é um desses casos”, reforça Gaspar Vaz.
“Está lançado o repto para, no ano que vem, os alunos continuarem com as pinturas”, acrescentou o diretor do agrupamento. Bilhota Xavier corroborou da ideia, acrescentando que “falta agora a decoração dos gabinetes e das salas de trabalhos de cuidados destinados às crianças”.

A coordenadora da consulta externa de pediatria em Alcobaça, Ester Pereira, contou que “o projeto surgiu da necessidade de humanizar uma área onde são realizadas consultas de pediatria geral, pedopsiquiatria e psicologia clínica”, elogiando o “empenho dos alunos nas pinturas” que agora alegram a a sala de espera.

 

AD Footer

Artigos Relacionados

Circulação alternada de trânsito na EN362, no concelho de Porto de Mós

A EN362, na Ribeira de Cima, concelho de Porto de Mós, está a ser alvo de uma intervenção...

E se fôssemos um País de Poetas?

este mesmo ano em que celebramos os 500 anos do nascimento do nosso poeta maior, Camões, pergunto-me como...

Jüra nomeada para os prémios Play

Jüra está entre os nomeados da 6.ª edição dos Play – Prémios da Música Portuguesa. A cantora e...

José Aurélio e Thierry Ferreira expõem obras de arte em Macau

As obras dos alcobacenses José Aurélio e Thierry Ferreira vão ser exibidas na Casa Garden, sede da Fundação...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!