Sexta-feira, Abril 19, 2024
Sexta-feira, Abril 19, 2024

Rodas D’Aço querem levar Refood para Porto de Mós

Data:

Partilhar artigo:

O Rodas D’Aço Motor Clube, da Tremoceira, freguesia de Pedreiras, quer levar o projeto “Refood” para o concelho de Porto de Mós. Para isso, está a proceder à requalificação do antigo Jardim de Infância de Tremoceira para ali instalar o centro de operações e a receber “formação” com a equipa Refood de Alcobaça.

 

O Rodas D’Aço Motor Clube, da Tremoceira, freguesia de Pedreiras, quer levar o projeto “Refood” para o concelho de Porto de Mós. Para isso, está a proceder à requalificação do antigo Jardim de Infância de Tremoceira para ali instalar o centro de operações e a receber “formação” com a equipa Refood de Alcobaça.

Rodrigo Strogue, presidente do clube motard, revelou ao REGIÃO DE CISTER que a ideia do projeto surgiu em simultâneo com a “oportunidade de requalificar o edifício abandonado do jardim escola local e criar uma sede para o Rodas D’ Aço”. “Contudo, considerámos que faltava um ideal que nos diferenciasse dos demais clubes e nos ajudasse a apoiar a comunidade que em muito nos ajudou nas obras”, sublinha o motard. O projeto Refood cativou a atenção do grupo e após um contacto com a responsável do núcleo alcobacense, os motards tiveram o primeiro “banho de realidade” nas Festas de São Pedro em Porto de Mós. “Esta fase ajudou-nos a entender como funcionava a iniciativa, ver o conceito na prática e ter uma primeira experiência”, declara Rodrigo Strogue, sublinhando o sucesso da primeira intervenção dos motards. “Ao longo dos dias fomos nove voluntários e foi gratificante observar, aprender e ter consciência da quantidade de comida que seria desperdiçada e que serviu para alguém que realmente precisava”, confessa o líder do grupo apoiado pelo Centro Cultural e Recreativo de São João da Tremoceira e reconhecido como secção integrante da coletividade.

Região de Cister - Assine já!

Numa segunda fase, os voluntários do Rodas D’Aço serão responsáveis por realizar o turno às terças-feiras no centro de operações em Alcobaça, que se encontrava inativo por incapacidade de conciliar disponibilidade dos voluntários. “Esta será uma ótima forma de colocar em prática os ensinamentos adquiridos e deste modo estão também a apoiar a unidade de Alcobaça. Há aqui uma entreajuda divinal”, sublinha Carmelita Costa, responsável pelo projeto Refood em Alcobaça. 
Após esta fase de “reconhecimento” e concluída a empreitada no futuro edifício sede do clube motard, previstas para o final do mês de outubro, dar-se-á início à terceira fase do projeto, criando uma filial “Refood” na freguesia de Pedreiras ou “um braço da Refood Alcobaça a operar no concelho de Porto de Mós”. 

Mas haverá um aspeto diferenciador no projeto do Refood na Tremoceira. A recolha dos alimentos será feita sobre duas rodas e essa é, segundo Rodrigo Strogue, uma “forma de aliar a paixão dos motores à paixão de apoiar o vizinho necessitado”. O responsável acredita ainda que este é um projeto que poderá unir os concelhos de Porto de Mós e de Alcobaça, que “raramente trabalham com um objetivo comum”. 

“A pertinência de um projeto como este é inquestionável e acredito que há espaço para a Refood em qualquer comunidade. Não é uma sopinha dos pobres, mas um apoio para aqueles que, em qualquer classe social, enfrentam um momento económico mais sensível”, alerta Carmelita Costa

 

AD Footer

Artigos Relacionados

Dez estabelecimentos da região distinguidos no Guia “Boa Cama Boa Mesa” 2024

Cinco alojamentos e cinco restaurantes foram reconhecidos no Guia “Boa Cama Boa Mesa” 2024, publicado na passada sexta-feira...

Cartoon 18-04-2024

A incrível vida (depois da morte) de D. Inês de Castro e a sua pomba Pimba

O que é a liberdade para si?

Vejo muita gente a viver “presa” no que acredita ser uma vida livre. Já se perguntou o que...

“Projeto Água do Oeste” apresentado em Alcobaça

“Projeto Água do Oeste”. É este o nome do workshop que terá a primeira sessão já na próxima...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!