Segunda-feira, Maio 27, 2024
Segunda-feira, Maio 27, 2024

Câmara de Alcobaça avança com obra no mercado de Alfeizerão

Data:

Partilhar artigo:

O Município de Alcobaça vai proceder à substituição do telhado do Mercado de Alfeizerão, que ainda contém placas de amianto presentes.

O Município de Alcobaça vai proceder à substituição do telhado do Mercado de Alfeizerão, que ainda contém placas de amianto presentes.

De acordo com o anúncio de procedimento para o concurso público, publicado em Diário da República, o valor do preço base do procedimento é de 45 mil euros e o prazo de execução da obra é de 45 dias.

Região de Cister - Assine já!

O presidente da Junta de Alfeizerão revelou que a Câmara já entrou em contacto com empresas no sentido de recolher alguns orçamentos e que o “projeto está a avançar de forma satisfatória”. De acordo com Leonel Ribeiro, a remoção das placas de amianto presentes no telhado do Mercado era há muito reclamada pela população e por entidades relacionadas com o ambiente. “Esta é uma questão que já motivou várias reclamações. Os comerciantes queixam-se, e com razão, da presença do material nocivo e potencialmente prejudicial para a saúde”, sublinha. Embora a Junta tenha realizado obras de requalificação no espaço há cerca de seis anos, o teto ainda não tinha sido alvo de intervenções. “Procedemos apenas às obras mais urgentes, mas era claro que o Mercado merecia obras mais profundas”, confessa.

O Mercado de Alfeizerão conta com a presença fixa de cinco comerciantes. “Atualmente o mercado conta com cinco comerciantes, mas é preciso recordar que houve uma época em que eram apenas três. É, por isso, tão importante melhorar as condições para aqueles que ali trabalham e que dinamizam o local”, sublinha o presidente da Junta de Alfeizerão.

AD Footer

Artigos Relacionados

Alcobaça tem quatro farmácias que apoiam famílias em situação de carência

Quatro farmácias do concelho de Alcobaça integram o Programa abem: Rede Solidária do Medicamento, da Associação Dignitude, que...

Tradições ribeirinhas recriadas para dar mais vida à Cela Velha

A vida na Cela Velha não é propriamente um corrupio, mas, uma vez por ano, e há 36...

Praias de Água de Madeiros, Légua, Pedra do Ouro e Salgado mantêm selo Zero Poluição

A Zero – Associação Sistema Terrestre Sustentável divulgou, na passada semana, a lista de praias classificadas como Zero...

Mercearia das Paredes muda de mãos e abre todo o ano

Mesmo em frente ao mar, em Paredes da Vitória, reabriu, no início deste mês, a Mercearia das Paredes,...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!