Quarta-feira, Julho 6, 2022
Quarta-feira, Julho 6, 2022

IPDATA e o legado de três décadas ao serviço de Turquel

Data:

Partilhar artigo:

A história da IPDATA, uma papelaria com serviços informáticos em Turquel, é relativamente recente. No entanto, os rostos que recebem o cliente naquele espaço comercial da Rua Principal são bem conhecidos na vila, pois o negócio de família começou na freguesia há mais de três décadas.

A história da IPDATA, uma papelaria com serviços informáticos em Turquel, é relativamente recente. No entanto, os rostos que recebem o cliente naquele espaço comercial da Rua Principal são bem conhecidos na vila, pois o negócio de família começou na freguesia há mais de três décadas.

A atividade iniciou-se na década de 1990 e, à data, era exclusivamente focado na venda de equipamentos tecnológicos e assistência técnica. “O negócio foi criado pelo meu marido, que sempre foi um apaixonado pela informática”, conta Paula Lopes, responsável pelo atendimento ao público.

Durante largos anos, o percurso profissional da “D. Paula”, como é conhecida, esteve ligado ao secretariado. “Trabalhei como secretária durante muito tempo. Dava uma mãozinha na loja quando necessário, mas não estava muito envolvida”, recorda.

Contudo, em 2005 a “vida pregou uma rasteira” à turquelense, que se recusou a baixar os braços e criou uma papelaria. “Não sou uma mulher de lamúrias e sabia que tinha de arregaçar as mangas. Então, com a ajuda do meu marido, abri portas junto à antiga escola básica”, conta, com orgulho.

De acordo com Paula Lopes, Turquel tinha na época apenas uma papelaria e, por isso, considerou que poderia ser um setor com potencial. “Era também um departamento que estava em consonância com o do meu marido e faria sentido unir os negócios, caso viesse a ser necessário”, acrescenta.

O contacto com o público não intimidou a nova empresária, que recorreu à experiência dos tempos em que percorria as feiras da região com os pais para vender sapatos. “O meu pai era sapateiro e eu costumava ir com a minha mãe para os mercados. Sempre gostei de falar com o cliente e aconselhar o produto mais adequado”, explica Paula Lopes.

O novo ciclo do negócio familiar, rebatizado de IPDATA, começou em 2017 e consistiu na união dos serviços informáticos e de papelaria num único espaço. “Após alguns percalços, decidimos abrir um novo espaço no centro da freguesia de Turquel e unir esforços”, atesta.

Atualmente, a IPDATA é a “casa” de quem procura novos equipamentos informáticos ou a reparação dos mesmos, material de escritório ou os serviços de CTT. “É sempre uma correria nesta casa, mas tenho de confessar que gosto. O serviço dos Correios traz sempre muita gente e eu tenho prazer ao ver a loja com gente… com vida”, confessa.

Resiliência é a palavra que melhor descreve a história da IPDATA, que abre portas diariamente devido ao carinho e dedicação da família Lopes. “Também a minha filha nutre um grande carinho por este negócio, que é sem dúvida familiar. Deixa-me tranquila saber que o futuro passa pela geração seguinte”, conclui.

AD Footer
spot_img

Artigos Relacionados

Central-periférica abre portas em Alcobaça a artistas em situação de risco

Um dos edifícios do centro histórico de Alcobaça está a dar “teto” a artistas internacionais. É ali, mais...

Dois detidos por tentativa de furto a residência em Famalicão

O Comando Territorial de Leiria, através do Posto Territorial da Valado dos Frades, deteve esta terça-feira dois homens...

Futebol: Ginásio fica pelas meias-finais no Inatel

O Ginásio caiu nas meias-finais do taça nacional da Fundação Inatel. Os azuis soçobraram na deslocação ao reduto...

Colisão entre motociclo e veículo ligeiro provoca um morto na Nazaré

Um homem, de nacionalidade inglesa, morreu esta segunda-feira na Nazaré, na sequência de uma colisão entre um motociclo...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!