Hotel Palace do Capitão reabre após remodelações

O Hotel Palace do Capitão, em São Martinho do Porto, reabriu esta sexta-feira, após algumas remodelações no espaço, que esteve fechado durante dois anos.

"A zona, a casa, a localidade e o concelho merecem que este hotel esteja aberto. Era um crime estar fechado", referiu José Luís Fortunato, administrador da unidade hoteleira, preferindo não adiantar o investimento nas obras. Além da criação de um terraço com vista para a baía e de um pequeno espaço à entrada do hotel, foi remodelada a sala dos lanches e dos pequenos-almoços, "deixando de ser uma esplanada coberta e passando a ser uma casa acolhedora e mais quente durante o ano inteiro, com o objetivo de captar novos clientes que se sintam bem durante todo o ano", explicou José Luís Fortunato.

"Pensei em reabrir a casa degrau a degrau, a primeira fase é entrar com aquilo que já existia, ou seja, as noites, os pequenos-almoços e os lanches para as pessoas de fora e a segunda fase acontecerá em setembro, com a abertura de um winebar com bons petiscos e bons vinhos e, nessa altura, abrir o pequeno museu com a vida do automóvel em miniatura", adiantou o empresário e construtor.

O projeto de turismo rural, classificado com quatro estrelas, dispõe de 11 quartos e uma sala de chá. Localizado em frente à baía, trata-se de um edifício, que data de 1917, do arquiteto Ernesto Korrodi, e que recebeu o prémio Eugénio dos Santos atribuído pela Câmara de Alcobaça, na categoria de melhor edifício recuperado, em 2007.