Futsal: Concha Azul pode desistir da modalidade

O Concha Azul, que esta temporada se sagrou campeão da Divisão de Honra e vencedor da Supertaça distrital, pode vir a desistir da modalidade em 2017/18, abrindo, deste modo, uma vaga na 2.ª Divisão nacional de futsal. 

Neste momento, o clube de São Martinho do Porto está com a atividade suspensa, por falta de dirigentes, dado que não surgiram listas ao ato eleitoral.

"Esperemos que apareça uma lista, mas corremos o sério risco de acabar com a modalidade", afirma o ex-presidente António Moreno, que não se recandidatou e revela estar em "conversações" com a Junta para tentar "encontrar uma solução". 

O técnico Jorge Xana está de saída, tendo anunciado o que classificou de "fim de ciclo" no clube, enquanto o capitão Rui Gageiro não esconde a frustração. "Estamos todos muito tristes com esta situação. Lutámos muito, com muito sacrifício, e agora deixam-nos na mão", lamentou o jogador.

Também o goleador Bruno Pinto, que esta temporada anotou 41 golos no campeonato, já fez saber que deixará os azuis.

Caso se confirme a desistência do Concha Azul, o Arnal, 2.º classificado da Divisão de Honra da AF Leiria, tem assim a subida à 2.ª Divisão garantida.

O concelho de Alcobaça ficará, assim, privado de uma terceira equipa nos campeonatos nacionais.