Sábado, Abril 13, 2024
Sábado, Abril 13, 2024

Cistermúsica apresenta esta sexta-feira concerto pela paz

Data:

Partilhar artigo:

É a quatro mãos que se escreve o próximo espetáculo do Cistermúsica, que decorre esta sexta-feira, às 21 horas, no Claustro D. Dinis do Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça. Duo Amal reúne um pianista israelita e outro palestiniano. Um concerto pela paz. Este sábado, às 10 horas, dão uma Masterclass no Armazém das Artes.

 

É a quatro mãos que se escreve o próximo espetáculo do Cistermúsica, que decorre esta sexta-feira, às 21 horas, no Claustro D. Dinis do Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça. Duo Amal reúne um pianista israelita e outro palestiniano. Um concerto pela paz. Este sábado, às 10 horas, dão uma Masterclass no Armazém das Artes.
Segundo a direção artística, o duo “tem causado sensação na cena internacional pelo virtuosismo exuberante com que explora o reportório para dois pianos, neste caso de Schubert, Rakhmaninov, Chostakovitch e Prokofiev, além de duas obras recentes”.
Também esta sexta-feira, às 23 horas, o Claustro D. Afonso VI está entregue ao Cool Cister. A entrada é livre.
O concerto de Encerramento de Estágios de Orquestra decorre ao fim de tarde desta sexta-feira, às 18 horas, na Esdica.
Da programação de Dança, destaque-se a primeira vinda ao Cistermúsica da Companhia Nacional de Bailado, com uma coreografia de Olga Roriz, Orfeu e Eurídice, com música de Gluck. O espetáculo decorre este sábado, às 22 horas, no Claustro do Rachadouro.
Os Cappella Duriensis atuam este domingo, às 18 horas, no Mosteiro de Coz. Estão de regressa com reportório gregoriano do scriptorium de Alcobaça e polifonia portuguesa.
O encerramento do Cistermúsica Júnior e Famílias decorre também este domingo, às 10 horas, com ‘Há música no Parque’ dos Monges.
No concelho vizinho da Nazaré, atua o Moscow Piano Quartet (Rússia/Portugal). O concerto decorre esta quarta-feira, às 21:30 horas, na Biblioteca Municipal da Nazaré.
No passado fim de semana, o Cistermúsica juntou várias dezenas de pessoas em torno da música clássica. Na sexta-feira, a Orquestra Gulbenkian encheu a sala do Cine-teatro. Um dos momentos altos do concerto foi a atuação de Vladimir Tolpygo, vencedor do Prémio do Estoril 2014, que se juntou à Orquestra Gulbenkian para interpretar o Concerto para Violino e Orquestra em mi menor de Mendelssohn. “Foi uma oportunidade única e espetacular. É sempre uma honra tocar com esta Orquestra e foi um prazer enorme tocar neste festival, que está muito bem organizado”, referiu.

AD Footer

Artigos Relacionados

Circulação alternada de trânsito na EN362, no concelho de Porto de Mós

A EN362, na Ribeira de Cima, concelho de Porto de Mós, está a ser alvo de uma intervenção...

E se fôssemos um País de Poetas?

este mesmo ano em que celebramos os 500 anos do nascimento do nosso poeta maior, Camões, pergunto-me como...

Jüra nomeada para os prémios Play

Jüra está entre os nomeados da 6.ª edição dos Play – Prémios da Música Portuguesa. A cantora e...

José Aurélio e Thierry Ferreira expõem obras de arte em Macau

As obras dos alcobacenses José Aurélio e Thierry Ferreira vão ser exibidas na Casa Garden, sede da Fundação...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!