Domingo, Novembro 27, 2022
Domingo, Novembro 27, 2022

Escuteiros de Alfeizerão vivem Jamboree no Japão

Data:

Partilhar artigo:

A exploradora Bianca Catarina e os pioneiros Ana Filipa, Beatriz Pedro, Maria do Carmo e Tiago Gaspar escreveram a história da primeira participação do Agrupamento de Escuteiros de Alfeizerão no encontro mundial de escuteiros Jamboree, que se realiza de quatro em quatro anos em diferentes países.

A exploradora Bianca Catarina e os pioneiros Ana Filipa, Beatriz Pedro, Maria do Carmo e Tiago Gaspar escreveram a história da primeira participação do Agrupamento de Escuteiros de Alfeizerão no encontro mundial de escuteiros Jamboree, que se realiza de quatro em quatro anos em diferentes países.

O Japão foi o local eleito para a realização da 23.ª edição do encontro e os cinco escuteiros de Alfeizerão, acompanhados pelo chefe Joaquim Vizoso, partiram de mala às costas, no dia 27 do passado mês, para a aventura.

Região de Cister - Assine já!

11 mil quilómetros e 26 horas de avião com três escalas era o que distanciava os jovens do sonho de viver o Jamboree com 33 mil pessoas de diferentes países e representar a região Oeste. “Uma oportunidade única porque só podemos ser participantes se tivermos idades entre os 14 e os 18 anos”, explica Tiago Gaspar.

No Jamboree, o dia começava cedo. “Às 4:30 horas alguém tinha de acordar para ir buscar a comida para o pequeno-almoço e o almoço”, explica Maria do Carmo, acrescentando que “durante o dia fazia-se atividades para troca de ideias e culturas”.

A alimentação estava ao encargo dos jovens escuteiros. “A Bianca era a cozinheira”, afirma Ana Filipa. O pequeno-almoço era “torradas na frigideira” e a comida era “estranha mas a Bianca tornava-a normal”, recorda Maria do Carmo.

As visitas a Hiroshima e a Yamaguchi e as cerimónias de início e encerramento do encontro marcaram a viagem. “Percebemos realmente que estamos ali e que trabalhámos para ir e fomos”, recordam os jovens. O apoio dos pais e as vendas que realizaram durante vários meses permitiram amealhar o dinheiro necessário.

Com a experiência vivida e com algumas histórias partilhadas, Joaquim Vizoso espera que os cinco jovens sejam “embaixadores no Oeste” e “a sementinha dos próximos Jamborees”.

AD Footer

Artigos Relacionados

Hélder Roque assume direção clínica das clínicas do Grupo H Saúde

Hélder Roque é o novo diretor clínico da Clínica das Olhalvas- Leiria, da Policlínica Central da Benedita e...

Orquestra Típica e Coral de Alcobaça voltou aos palcos três anos depois

Depois de cerca de três anos com a atividade suspensa, a Orquestra Típica e Coral de Alcobaça voltou...

Degustação de vinhos e sabores locais apreciada por 1 milhar de pessoas no Vimeiro

A “I Degustação de vinhos e sabores da terra”, evento promovido pelo Círculo de Arte, Cultura e Desporto...

Ana Pagará reconduzida como diretora do Mosteiro de Alcobaça

Ana Pagará foi reconduzida no cargo de diretora do Mosteiro de Alcobaça, para uma comissão de serviço de...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!