Terça-feira, Novembro 29, 2022
Terça-feira, Novembro 29, 2022

Portugal 2020 atribui 10,7 milhões à região

Data:

Partilhar artigo:

A Associação Leader Oeste e a Associação para o Desenvolvimento de Peniche vão receber, em conjunto, 10,7 milhões de euros dos 103,5 milhões destinados aos 29 Grupos de Ação Local da Região Centro, no âmbito do programa Portugal 2020.

A Associação Leader Oeste e a Associação para o Desenvolvimento de Peniche (ADEPE) vão receber, em conjunto, 10,7 milhões de euros dos 103,5 milhões destinados aos 29 Grupos de Ação Local da Região Centro, no âmbito do programa Portugal 2020.

As verbas servirão para concretizar as respetivas Estratégias de Desenvolvimento Local de Base Comunitária (DLBC). 

Região de Cister - Assine Já!

O Leader Oeste viu ser atribuída uma verba de 3,7 milhões de euros para um projeto de desenvolvimento rural no alto Oeste e 3,9 milhões de euros para outro projeto no baixo Oeste, enquanto a ADEPE vai receber 3,1 milhões de euros para desenvolver o DLBC Costeiro.

Os fundos destinados aos Grupos de Ação Local rurais vão apoiar pequenos investimentos nas explorações agrícolas e na transformação e comercialização das suas produções, na diversificação de atividades na exploração, na criação de cadeias curtas e mercados locais, na promoção de produtos de qualidade locais e na renovação de aldeias em territórios rurais.

Quanto aos Grupos de Ação Local costeiros, o objetivo passa por reforçar a competitividade da pesca, o desenvolvimento do turismo em espaço aquático, a promoção de produtos locais de qualidade, a criação de circuitos curtos de bens alimentares e mercados locais e a preservação, conservação e valorização dos elementos patrimoniais, recursos naturais e paisagísticos.

Os fundos disponibilizados pelo Centro 2020 irão apoiar a criação do próprio emprego ou empresa por desempregados ou inativos e o investimento para a expansão de pequenas e microempresas existentes de base local.

Estes fundos poderão também ser utilizados para a criação de novas empresas e pequenos negócios, designadamente na área da valorização e exploração de recursos endógenos, do artesanato e da economia verde, que sejam geradores de novos empregos, além da conservação, proteção, promoção e desenvolvimento do património natural e cultural.

AD Footer

Artigos Relacionados

Hélder Roque assume direção clínica das clínicas do Grupo H Saúde

Hélder Roque é o novo diretor clínico da Clínica das Olhalvas- Leiria, da Policlínica Central da Benedita e...

Orquestra Típica e Coral de Alcobaça voltou aos palcos três anos depois

Depois de cerca de três anos com a atividade suspensa, a Orquestra Típica e Coral de Alcobaça voltou...

Degustação de vinhos e sabores locais apreciada por 1 milhar de pessoas no Vimeiro

A “I Degustação de vinhos e sabores da terra”, evento promovido pelo Círculo de Arte, Cultura e Desporto...

Ana Pagará reconduzida como diretora do Mosteiro de Alcobaça

Ana Pagará foi reconduzida no cargo de diretora do Mosteiro de Alcobaça, para uma comissão de serviço de...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!