Segunda-feira, Maio 27, 2024
Segunda-feira, Maio 27, 2024

Onda de solidariedade dá alento às cinco corporações da região

Data:

Partilhar artigo:

As populações dos concelhos de Alcobaça e Nazaré ofereceram bens e alimentos às corporações de bombeiros da região, numa ação solidária que não deixou ninguém indiferente.

As populações dos concelhos de Alcobaça e Nazaré ofereceram bens e alimentos às corporações de bombeiros da região, numa ação solidária que não deixou ninguém indiferente.

“Faz aos outros aquilo que gostas que te façam a ti”. O provérbio não é bem assim, mas a ideia é a mesma: adequando ao contexto, ser solidário é a palavra de ordem, mais propriamente quando o assunto remete para o auxílio às várias corporações de bombeiros que têm combatido vários fogos, nas últimas semanas.

Região de Cister - Assine já!

Na região, de Benedita a Pataias, passando por São Martinho do Porto, Alcobaça e Nazaré, a população tem-se mostrado incansável com a oferta de bens. Alimentos como água, leite, bolachas e barras de cereais estão no topo da lista de ofertas. “São estes bens alimentares que carregamos connosco nas missões e que ajudam a confortar o estômago quando não é possível fazer uma refeição”, explica o comandante dos Bombeiros de Pataias, Nélio Gomes.

No quartel de São Martinho do Porto não foi diferente. Também por lá se presenciaram vários gestos de solidariedade. Um deles partiu da iniciativa do Grupo Desportivo Concha Azul, que ofereceu ao quartel uma palete de águas. Gestos que o comandante João Bonifácio  “agradece profundamente”. O apoio de espaços comerciais “como o Praia Mar, o Samar e o Primeiro Soluço foram igualmente de destacar na ajuda que prestaram aos bombeiros”, acrescenta o comandante da corporação saomartinhense.

Na Nazaré, os habitantes têm-se unido nesta causa solidária. “Temos recebido muitos donativos”, conta o comandante João Paulo Estrelinha, acrescentando que “no último dia das festas de Famalicão, por exemplo, foi reunido um donativo feito por parte do Centro Social, em conjunto com a população, angariado durante todo o período dos festejos”.

Já o comandante dos Bombeiros da Benedita, além de se sentir “agradecido pelos bens alimentares que foram doados”, sublinha que agradece “sobretudo o apoio psicológico” dos beneméritos que por lá passavam. “Por vezes, apenas perguntar se estava tudo bem, ou como nos sentíamos no final de uma luta contra as chamas, era suficiente para nos sentirmos melhor”, afirma.

No quartel dos soldados da paz de Alcobaça também chegaram, em grande número, o mesmo género de bens alimentares pela mão da população. “Igual destaque para o apoio da Quinta das Carrascas, que ofereceu refeições aos bombeiros, aquando o incêndio da Cela, e ao Intermarché de Alcobaça, que tem sido incansável no fornecimento de refeições que os bombeiros têm levado quando são destacados para fora da região”, refere o comandante Mário Cerol.
 

AD Footer

Artigos Relacionados

Alcobaça tem quatro farmácias que apoiam famílias em situação de carência

Quatro farmácias do concelho de Alcobaça integram o Programa abem: Rede Solidária do Medicamento, da Associação Dignitude, que...

Tradições ribeirinhas recriadas para dar mais vida à Cela Velha

A vida na Cela Velha não é propriamente um corrupio, mas, uma vez por ano, e há 36...

Praias de Água de Madeiros, Légua, Pedra do Ouro e Salgado mantêm selo Zero Poluição

A Zero – Associação Sistema Terrestre Sustentável divulgou, na passada semana, a lista de praias classificadas como Zero...

Mercearia das Paredes muda de mãos e abre todo o ano

Mesmo em frente ao mar, em Paredes da Vitória, reabriu, no início deste mês, a Mercearia das Paredes,...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!