Quinta-feira, Outubro 6, 2022
Quinta-feira, Outubro 6, 2022

Carla Pires precisa urgentemente de um rim para “ver o filho crescer”

Data:

Partilhar artigo:

Foi em 2009 que descobriu que tinha falência renal crónica, através de uma simples análise ao sangue. No seu caso, os dois rins deixaram de funcionar.

A nazarena Carla Pires precisa urgentemente de um rim do tipo de sangue “O positivo”, para que possa “ver o filho crescer”. Foi em 2009 que descobriu que tinha falência renal crónica, através de uma simples análise ao sangue. No seu caso, os dois rins deixaram de funcionar.

Engravidou em 2015 e avançou com a gravidez considerada de risco. Estava previsto que durante a gestação o seu caso piorasse mas, pelo contrário, melhorou. Começou os tratamentos de hemodiálise um ano após o nascimento do bebé: três vezes por semana, da meia-noite às seis da manhã. “Escolhi o horário noturno para não influenciar a vivência com o meu filho”, conta Carla Pires ao REGIÃO DE CISTER. Cada tratamento tem o custo de 480 euros, que a Segurança Social sustenta.  

A nazarena sofre de uma anemia grave. “Não posso comer nem frutas, nem legumes e só posso ingerir meio litro de líquidos por dia”, conta. Apesar de a doença não causar dor,“a falta de força e o cansaço” são os fatores que mais limitam o doente. “A hemodiálise serve apenas para me manter viva. Se faltar a um tratamento posso morrer”, esclarece. Antes de se ver obrigada a cumprir os tratamentos, afirmava que “preferia morrer do que sujeitar-se à hemodiálise”, devido à “fobia de agulhas”.

Segundo a lista de espera, faltam oito anos para que Carla receba um novo rim. “Neste momento, o que me pode tirar da diálise é o transplante. Qualquer pessoa pode doar um rim, mas é preciso que seja muito altruísta, tendo em conta que é uma situação sensível tanto para quem recebe o rim, porque o pode rejeitar, tal como para quem doa, porque fica com apenas um”, esclarece a nazarena.

AD Footer

Artigos Relacionados

Veio ter comigo hoje a poesia

Hoje a poesia veio ter comigo em forma de notícia e não poema. Um de nós, um dos...

Peões causam perigo no atravessamento da EN242 na Nazaré

O perigo para peões e automobilistas na Estrada Nacional 242, entre a rotunda do Pavilhão Municipal e a...

Livro enaltece maior produtora de garrafas do País há 80 anos

Mais do que um livro sobre uma fábrica de garrafas, a obra do historiador Tiago Inácio, apresentada no...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!