Quinta-feira, Agosto 18, 2022
Quinta-feira, Agosto 18, 2022

Câmara da Nazaré assume gestão do Forte de S. Miguel

Data:

Partilhar artigo:

A Câmara da Nazaré aprovou, esta terça-feira, a celebração do auto de cedência e aceitação do Forte de S. Miguel Arcanjo entre o Estado Português e o Município.

O imóvel, conhecido como o Farol da Nazaré, era propriedade da Direção-Geral do Tesouro e das Finanças e a sua cedência tem como contrapartida, explica o presidente da Câmara da Nazaré, a “requalificação” do monumento. O projeto de requalificação do Forte de São Miguel Arcanjo foi anunciado em fevereiro do ano passado e tem um orçamento de cerca de meio milhão de euros. Além disso, a autarquia prevê investir mais 500 mil euros na requalificação dos acessos ao Farol e à Praia do Norte. A intervenção prevê a “reformulação das faixas de circulação mecânica, estacionamento e paragem, passeios pedonais e cicláveis”, de acordo com o projeto que se encontra em estudo prévio.

O acordo entre a Direção-Geral do Tesouro e Finanças, Direção-Geral de Recursos da Defesa Nacional e Município estipula em 25 anos o período de cedência do edifício à Nazaré, durante o qual será paga uma renda mensal na ordem dos 2.520 euros aos proprietários do património.

Segundo informação da Câmara da Nazaré, o Forte de São Miguel Arcanjo já foi visitado por mais de 300 mil pessoas em dois anos e é um ativo importante na dinamização do turismo da vila piscatória.

AD Footer
spot_img

Artigos Relacionados

Equipa da polícia espanhola visitou esquadras do comando

Uma equipa policial do Corpo Nacional da Polícia Espanhola (CNP) esteve, entre os passados dias 1 e 8...

Município de Alcobaça realiza sessão de esclarecimento sobre fogo bacteriano

A Câmara de Alcobaça vai organizar uma sessão de esclarecimento sobre o fogo bacteriano, este dia 24, no...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!