Segunda-feira, Junho 24, 2024
Segunda-feira, Junho 24, 2024

Pandemia acelerou negócio de entrega de refeições em casa

Data:

Partilhar artigo:

A pandemia encerrou alguns negócios, colocou alguns em stand-by mas também foi o motor para a criação de “novos negócios”, como a entrega de comida aos domicílios. Pedro Vieira criou a empresa Pede & Come no ano passado, mas a pandemia levou o leiriense a aumentar a sua “área de negócio” e a chegar à Nazaré, em junho, e a Alcobaça, desde dia 2.

A pandemia encerrou alguns negócios, colocou alguns em stand-by mas também foi o motor para a criação de “novos negócios”, como a entrega de comida aos domicílios. Pedro Vieira criou a empresa Pede & Come no ano passado, mas a pandemia levou o leiriense a aumentar a sua “área de negócio” e a chegar à Nazaré, em junho, e a Alcobaça, desde dia 2.

O empresário conta com um total de quatro estafetas em Alcobaça e Nazaré e já firmou várias parcerias com algumas empresas de restauração como o Mr. Pizza, King Kebab, Tabernas sem Regras, Meat, ou o Casalinho, Oceano e Predileta na Nazaré. 

Região de Cister - Assine Já!

Esta empresa, que ganhou “força” com a pandemia conta atualmente com 25 estafetas que chegam ainda às populações de Leiria, Tomar, Pombal, Marinha Grande, Fátima e Figueira da Foz. O custo dos primeiros três quilómetros é de 1,90 euros e acresce 70 cêntimos a partir dos quatro quilómetros.

Mas, à semelhança de Pedro Vieira, também outros negócios de entrega de comida ao domicílio prosperaram na região nos últimos meses. A empresa ”Come To Me”, do Grupo FF, donos de espaços como o Mosteiro do Leitão, chegou esta semana aos concelhos de Alcobaça, Nazaré e Porto de Mós e pretende levar as melhores iguarias dos restaurantes até casa das pessoas.

Embora ainda não tenha sido feito o lançamento oficial da empresa, o negócio já arrancou com a entrega entre a passada quinta-feira e domingo, quando não foi permitido circular entre concelhos.

Este é um setor de negócio que tem proliferado em tempo de pandemia, mas que não é inédito. Já em maio, o B!Eats nasceu na Benedita. A empresa leva refeições dos restaurantes beneditenses até aos moradores das freguesias da Benedita, Turquel e Vimeiro. 

Embora o projeto já estivesse planeado antes da chegada da pandemia, foi o contexto da saúde pública que acelerou todo o negócio do empresário Gerson Costa. A empresa leva comida de vários restaurantes da Benedita com uma taxa de entrega de 2 euros. 

Por sua vez, e após seis meses de Nazaré At Home, chega este mês ao concelho de Alcobaça o… Alcobaça At Home.  As entregas são feitas nas 13 freguesias e o alargamento do negócio é fruto do sucesso que a empresa At Home já garantiu em vários meses na Nazaré. A taxa de entrega é de 1,99 euros e as encomendas são feitas através do site da empresa.

Desde que a pandemia da Covid-19 obrigou os restauração a fechar portas, e mesmo depois das reaberturas, que muitos empresários apostaram e/ou reforçaram o regime take-away para tentar fazer face às quebras financeiras, estabelecendo parcerias com estas empresas de entregas ao domicílio, num modelo de negócio win-win. Para restaurantes, empresas de distribuição e clientes.

AD Footer

Artigos Relacionados

Construção de nova ponte do Rio da Areia está (finalmente) no terreno

Há dois anos e meio que não há forma de atravessar o Rio da Areia, em Valado dos...

Lucas Ribeiro viverá primeira aventura no andebol espanhol

O Atlético Valladolid é o novo clube do pataiense Lucas Ribeiro, ele que deixa o Póvoa AC, da...

Ausência de candidaturas motiva comissão admistrativa nos Bombeiros da Benedita

Estava marcada para a passada sexta-feira uma assembleia geral para a eleição de uma nova Direção da Associação...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!