Sábado, Abril 13, 2024
Sábado, Abril 13, 2024

Falta de tempo

Data:

Partilhar artigo:

O tempo é hoje uma das “moedas” mais valorizadas. Nos negócios, na governação política, em contexto escolar ou na vida pessoal, é inegável que a cada dia, sofremos todos a chamada síndrome da falta de tempo. Por outro lado, todos já ouvimos dizer que não existe real falta de tempo, mas apenas falta de prioridades. O facto é que, recorrentemente, vemo-nos atolados em projetos que não conseguimos dar conta porque o tempo nunca é o suficiente! Esperem; mas será que o tempo é mesmo escasso, ou apenas não conseguimos definir prioridades? Einstein disse que “falta de tempo é a desculpa dos que perdem tempo por falta de métodos”. Então se planearmos atividades resolvemos todos os problemas!? Não! Não podemos abraçar o mundo; o nosso limite temporal diário obriga a restringir o número de atividades que podemos fazer. O facto, é que mesmo depois de planearmos tudo, há sempre projetos que ficam de fora! Porquê? Porque não eram prioritários! Então, parece que o problema não é a falta de tempo, mas sim a falta de prioridade!

A solução está na prioridade que atribuímos aos compromissos e obrigações. Se hierarquizarmos as prioridades de acordo com o tempo – curto, médio e longo prazo – resolvemos o problema? Sim, mas atenção; que não nos esqueçamos de dar prioridade ao mais importante: a saúde. A verdade é que nos últimos anos observamos um cenário complexo e problemático: vive-se na era das sociedades que confundem o estar “ocupado” com o ser “produtivo. Isto afeta profundamente a saúde física e mental. Falta de tempo é uma realidade. A forma como a sociedade se articula gera mesmo uma falta endémica de qualidade de vida, de lazer e de vínculo com as pessoas que amamos. Falta de tempo causa miséria emocional, pessoal e psicológica e isto vê-se na sociedade atual. A falta de tempo rouba a felicidade e também a vida. Urge ganhar tempo para ganhar vida! Como ganhamos tempo? Estabelecendo prioridades!

AD Footer
Artigo anterior
Próximo artigo

Artigos Relacionados

Circulação alternada de trânsito na EN362, no concelho de Porto de Mós

A EN362, na Ribeira de Cima, concelho de Porto de Mós, está a ser alvo de uma intervenção...

E se fôssemos um País de Poetas?

este mesmo ano em que celebramos os 500 anos do nascimento do nosso poeta maior, Camões, pergunto-me como...

Jüra nomeada para os prémios Play

Jüra está entre os nomeados da 6.ª edição dos Play – Prémios da Música Portuguesa. A cantora e...

José Aurélio e Thierry Ferreira expõem obras de arte em Macau

As obras dos alcobacenses José Aurélio e Thierry Ferreira vão ser exibidas na Casa Garden, sede da Fundação...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!