Domingo, Abril 21, 2024
Domingo, Abril 21, 2024

Teresa Radamanto

Teresa Radamanto iniciou a sua carreira aos 15 anos na sua terra Natal - Nazaré. Aos 16 anos ingressou um grupo vocal local e iniciou a sua viagem pelos concursos televisivos mais em voga no final da década de 90.Em 1998 pisou o Palco do Teatro Sº Luís como intérprete no Festival RTP da Canção com a canção "Só o Mar Ficou" de João Mota Oliveira compositor de Chamar a Música. Classificando-se em 2º lugar. Foi finalista da grande Final no Coliseu do Recreios, ao imitar a cantora Barbra Streisand, no programa Chuva de Estrelas, em 1998/99 .Participou no Festival RTP da Canção de 2007 realizado na Sala Tejo do Pavilhão Atlântico com a canção "Ai de Quem Nunca Cantou", classificando-se novamente em 2º lugar. Entre 2013 e 2016 esteve associada à Rádio Local do seu concelho na antena com as Rubricas: "Fashion Chords" ; "Prato do Dia" e "Comercio ComVida"; trabalhou em angariação comercial e foi cordenadora do Departamento Comercial da mesma instituição.Regressa ao Festival RTP da Canção, em 2015, para dar voz ao tema "Um Fado em Viena" (Jorge Mangorrinha/Fernando Abrantes), obtendo uma vez mais o 2.º lugar. Fundou em 2017 o projeto "Guide to a blue Life" uma plataforma online onde pode encontrar variada informação sobre Autismo. Tornou-se uma voz ativa dentro desta temática com diversas participações em TV. Possuí uma formação em Nutrição no Autismo a fim de proporcionar aos seus seguidores informação válida e credível. Como figura pública destaca-se atualmente no perfil social de influencer / bloguer e youtuber.Prestou serviços por mais de uma década junto de empresas como a Endemol para a RTP; SIC e TVI.A sua atividade musical está correntemente direcionada ao publico infantil. Desde 2017 que se dedica à área do Welness e Bem-estar. Presta serviços de Coaching de Vida, saúde e Imagem. Especializada em Fitness Cognitivo.

O que é a liberdade para si?

Vejo muita gente a viver “presa” no que acredita ser uma vida livre. Já se perguntou o que é ser livre, verdadeiramente? Já pensou que o acredita ser liberdade pode ser, na verdade, uma grande ilusão? Alguns podem pensar que liberdade é não ter um relacionamento sério; outros podem pensar que liberdade passa por fazer tudo o que dá...

Primavera

Março traz aquele pronúncio de mudança; aquela característica de “renovação de votos do novo ano”. E não é por acaso. É em março que se renova a estação do ano que representa o nascimento. Março celebra a mulher – o ser de luz que é capaz de criar vida; em contexto religioso exalta-se a ressurreição. É por isso um momento...

A falar é que a gente se entende

Numa Era em que estamos sempre ligados de tanta forma e feitio, seria de esperar que a comunicação fosse clara, objetiva e assertiva. Tristemente, a falta de comunicação é um mal que toca a todos e que se reflete nos diversos quadrantes. De facto, estar conectado e em constante interação não é sinónimo de comunicação efetiva. A maré de...

A vida são dois dias e o Carnaval são três!

O Carnaval em Portugal celebra-se um pouco por todo o país, misturando as mais variadas expressões culturais e tradicionais. Desfiles, máscaras e muita folia são algumas das características destes festejos. Ao longo dos tempos, o Carnaval foi aproveitado pelas gentes, sob o mote “É Carnaval, ninguém leva a mal!, para caricaturar a sociedade e os seus os costumes, a...

Novos Rumos

É tecnicamente impossível obter direções para um novo destino se não soubermos de onde partimos. O mesmo pode ser dito sobre a vida. Para que possamos criar um conjunto de rumos para o novo ano, devemos saber de onde partimos e para onde desejamos ir. Esta ideia estava a ser discutida num podcast que costumo ouvir e deixou-me a...

Natal em “jeito de balanço”

Estamos a poucas horas de dar as boas vindas ao último mês de 2023. Dezembro é um mês especial; porém ímprobo. Transporta a magia da quadra que mais festividades promove à escala global; mas também é mês de reflexão: um misto de alegria e comoção onde cabe a solidariedade, a partilha e o “fazer o bem”, mas também a...

Marca positiva, sempre!

Há sempre um especialista nisto ou naquilo para nos dizer como devemos comer, dormir, socializar, opinar, pensar… e viver! Ainda assim, não querendo de todo ir “por aí”, gostaria de partilhar algumas ideias que são de facto úteis, na medida em que nos tornam mais efetivos, interessantes e principalmente, relevantes. Algo extraordinariamente necessário no compasso da modernidade; concordam? A...

Falta de tempo

O tempo é hoje uma das “moedas” mais valorizadas. Nos negócios, na governação política, em contexto escolar ou na vida pessoal, é inegável que a cada dia, sofremos todos a chamada síndrome da falta de tempo. Por outro lado, todos já ouvimos dizer que não existe real falta de tempo, mas apenas falta de prioridades. O facto é que,...
AD Footer
Região de Cister - Seja Assinante!
spot_img

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!