Grutera regressa aos palcos com lançamento de disco

Após alguns meses de adiamento devido à pandemia da Covid-19, Guilherme Efe, mais conhecido como Grutera no mundo da música, vai finalmente lançar o seu próximo álbum. “Aconteceu” vai ser apresentado no dia 11 de setembro.

O novo disco faz referência a uma “fase da vida” marcada por “memórias” de “amigos”, “família”, “amores”, “desamores” e “encontros inesperados”, durante um período de cinco anos em que o músico esteve afastado dos palcos e se dedicou a outros projetos.

O dia do lançamento do disco vai ser assinalado com um concerto em Guimarães. “Espero que o público sinta que este tempo de espera valeu realmente a pena”, refere o músico da Nazaré. “Aconteceu” vai estar disponível nas plataformas digitais e também no site da Bandcamp para compra física. Os temas deste novo álbum já se encontram disponíveis em formato “showcase” na página do Patreon. “Contra todas as expetativas que tinha, ainda conseguimos ter alguns patronos e isso é super gratificante, principalmente quando grande parte dos músicos inundou as redes sociais com concertos gratuitos”, sublinha o artista.

Grutera regressou aos palcos no passado mês com um concerto intimista no Maus Hábitos, no Porto. “Soube-me muito bem voltar a ver as pessoas no público e os programadores e perceber que afinal não estava assim tão enferrujado”, brinca.

Ainda este mês, no dia 25, o músico atua no Cine-teatro de Gouveia no âmbito da “Romaria  Cultural”. Em setembro, além do concerto no dia do lançamento do novo disco, estão agendadas mais duas atuações, dia 5 em Pombal e dia 25 em Setúbal.

Quanto aos concertos oficiais de apresentação do novo álbum que estavam programados, esses ainda estão dependentes da evolução da pandemia para serem confirmadas novas datas.

Durante o tempo em que esteve mais afastado do meio artístico, Grutera concluiu um mestrado, realizou uma pós-graduação, começou a trabalhar “como um adulto normal” e aproveitou para viajar bastante. “A minha área de estudos é economia, gestão e análise de um grande volume de dados com foco em estatística preditiva”, revela o nazareno, que atualmente trabalha numa empresa multinacional, “ajudando as pessoas a tomar decisões estratégicas”.

“Aconteceu” é o quarto disco do músico. Em 2012 lançou “Palavras Gastas”, no ano seguinte “O Passado Volta Sempre” e em 2015 “Sur Lie”.