Porto de Mós recebe Gala do Porco d'Ouro

O castelo de Porto de Mós recebe, a 21 de junho, a quarta edição da Gala Porco d'Ouro, numa iniciativa em que os produtores do concelho de Alcobaça somam seis nomeações.

O evento, que foi apresentado publicamente esta segunda-feira, distingue, anualmente, a produtividade e eficiência dos empresários do setor suinícola nacional e apresenta um total de 78 nomeados para os diversos escalões. Torres Vedras, com 11 nomeações, é o concelho que lidera o ranking de indicações para prémios.

Está confirmada a presença de 600 agentes da cadeia de valor do setor e serão atribuídas duas novas distinções: o Prémio Inovação Zoetis, que incentiva os produtores a apostar na investigação e na inovação e o Prémio Especial Porco D'Ouro Ministério da Agricultura para a Sanidade, Bem-Estar Animal e Ambiente, a ser entregue pelo ministro da Agricultura Florestas e Desenvolvimento Rural, Luís Capoulas Santos.

Segundo David Neves, vice-presidente da Federação Portuguesa de Associações de Suinicultores, a gala é um evento que pretende "afirmar um setor da economia nacional com peso, resiliente, moderno e competitivo". O dirigente regozijou-se com o facto de o protocolo de exportação para a China passar a ser alargado aos chamados "pezinhos", o que pode representar mais 10 milhões de euros de volume de negócios para a suinicultura nacional, que acrescem aos 100 milhões de euros já previstos para 2019.

Por seu turno, o presidente da Câmara de Porto de Mós fez saber que o município apoia a criação da Confraria do Porco Malhado de Alcobaça, raça que tem expressão naquele concelho. "A Confraria será bem-vinda, porque faz parte do projeto de produtos autóctones", frisou Jorge Vala, que mostrou surpresa pelo facto de o projeto de construção de uma estação de tratamento dos efluentes das suiniculturas em Leiria poder vir a avançar sem a intervenção dos utilizadores. "Tem que se fazer alguma coisa, até porque o setor não subsiste a ter o dedo apontado sistematicamente por ambientalistas ou população. É irresponsável o setor não estar no processo de decisão e não sei como vão ser envolvidos os municípios", lamentou o autarca.

Após a apresentação da Gala, foram degustados vários produtos de porco.pt premium e de petiscos Sabores do Malhado, de Alcobaça, na rulote porco.pt.