Quinta-feira, Fevereiro 2, 2023
Quinta-feira, Fevereiro 2, 2023

“Arrepiado“ troca pista pelo todo-o-terreno

Data:

Partilhar artigo:

O “Arrepiado“, como é conhecido, está mais habituado a fazer perícias no asfalto, mas desta vez o desafio foi diferente. Ricardo Domingos participou na mais antiga e mediática prova de todo-o-terreno do país com uma mota de pista, sendo a “novidade“ da 32.ª edição da competição que decorreu entre 25 e 27 de outubro, em Portalegre.

O “Arrepiado“, como é conhecido, está mais habituado a fazer perícias no asfalto, mas desta vez o desafio foi diferente. Ricardo Domingos participou na mais antiga e mediática prova de todo-o-terreno do país com uma mota de pista, sendo a “novidade“ da 32.ª edição da competição que decorreu entre 25 e 27 de outubro, em Portalegre.

O beneditense faz espetáculos de freestyle em cima da mota por todo o mundo e aproveitou o “início da época baixa das atuações” para pôr em prática uma ideia que já tinha tido “há dois anos“, conta o piloto ao REGIÃO DE CISTER.

Região de Cister - Assine Já!

Para isso, o acrobata trocou apenas “os pneus e as suspensões da mota”, tentado mantê-la “o mais original possível“ e fez-se à “estrada”, uma vez que a intenção era apenas “participar de forma diferente e conseguir concluir a prova“. 

O objetivo foi mesmo cumprido, o piloto concluiu os 217,1 quilómetros de prova, da “Meia Baja“ na classe “Hobby” – que é destinada aos pilotos que participam no Baja Portalegre pela primeira vez – tendo terminado na 24.ª posição, num total de 78 pilotos.

“Foi uma experiência espetacular e muito gratificante“, “o publico vinha a correr quando via a mota passar“ e até “ajudaram a pô-la a andar quando entrou água para o motor num dos rios do percurso“, confessa, mostrando-se concretizado pela participação, apesar de “ter feito poucos treinos com receio de danificar a mota“.

“O bichinho ficou“ e para o ano Ricardo Domingos assume que quer voltar ao Baja Portalegre, desta vez para “correr a distância dos 500 quilómetros, mas na mesma com uma mota de pista“.

A prova Baja Portalegre integra o Campeonato Europeu e Nacional de todo-o-terreno e reúne todos os anos centenas de pilotos profissionais e amadores de motas e de carros, com espirito aventureiros e que tentam completar os percursos alentejanos.

 

AD Footer

Artigos Relacionados

Associação de Monte de Boi tem um presidente… “ator”

É natural de Setúbal, mas ainda não tinha 1 ano de idade quando se mudou para o concelho...

Leiriense valoriza Chita de Alcobaça em marca de vestuário sustentável

A leiriense Inês Fonseca lançou recentemente uma marca de vestuário sustentável, a que deu o nome de Pandã,...

18 empresas da região distinguidas nos Wedding Awards 2023

A região viu 18 empresas serem reconhecidas, num total de seis categorias, na 10.ª edição dos Wedding Awards...

Hóquei: HC Turquel vence dérbi da região com Xavi(s) d’ouro

Vencer o dérbi diante da Biblioteca (7-5) já é bom, garantir a continuidade na liderança da Zona Sul...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!