Quinta-feira, Fevereiro 2, 2023
Quinta-feira, Fevereiro 2, 2023

Clube Recreativo Brites de Almeida quer ser um novo centro cultural

Data:

Partilhar artigo:

O Clube Recreativo Brites de Almeida, em Aljubarrota, sonha passar a ser um centro cultural. Este é um dos (muitos) objetivos da nova Direção do clube, empossada há pouco mais de um mês.

Este conteúdo é apenas para assinantes

Por favor, assine ou entre na sua conta para desbloquear este conteúdo.

A ideia é também potenciada pelo facto de haver dirigentes do Clube Recreativo Brites de Almeida que também pertencem à Associação Cultural e Artística “Ala D’Artistas” e, dessa forma, está dado o mote para desenvolver o projeto.

Tal como, de resto, explica ao REGIÃO DE CISTER a presidente do clube de Aljubarrota. “Pretendemos, de facto, transformar o clube num centro cultural, que seja aberto à comunidade e que possa potenciar vários espetáculos culturais, como por exemplo o teatro e o cinema”, conta Celine Dias. Para isso, o Clube Brites de Almeida está a “tratar da legalização do espaço e da atividade”. “A Ala D’Artistas, sendo uma associação reconhecida pela Direção-Geral das Artes e pelo Ministério da Cultura, pode apoiar o clube, seja através de meios técnicos, humanos ou financeiros. Queremos que o Clube Recreativo Brites de Almeida seja também reconhecido pelas referidas entidades”, acrescenta.

Também presente na reportagem feita pelo REGIÃO DE CISTER no Clube Brites de Almeida esteve o presidente da Mesa da Assembleia Geral do Clube Recreativo Brites de Almeida, que, em simultâneo, é ainda presidente da Direção da “Ala D’Artistas”. “A nossa sede é em Porto de Mós, mas também temos uma delegação em Aljubarrota. Se conseguirmos dinamizar os vários projetos que temos em mente neste espaço do clube em Aljubarrota, conseguiremos mais comunicação com a população, bem como a criação de novas sinergias com a comunidade e com as entidades responsáveis, nomeadamente com a Câmara de Alcobaça e com a Junta de Aljubarrota”, assume, carregado de esperança, Fábio Dias.

Região de Cister - Assine Já!

Os primeiros contactos para dar asas à ideia já foram dados, explica Celine Dias. “Está já em curso, na Câmara de Alcobaça, o projeto de licenciamento do espaço”, assume a dirigente.

O objetivo é claro e há esperança num final feliz. Para já, é tempo de preparar a festa de reabertura e esperar que as pessoas voltem “a viver” o Clube Brites de Almeida.

Antes das formalidades inerentes a este desejo, o clube da freguesia de Aljubarrota vai festejar, no próximo dia 17, a reabertura do espaço.

A comemoração dos 67 anos de existência (a fundação foi a 15 de setembro de 1965), com início marcado para as 19 horas, vai contemplar a oferta de sopa e porco no espeto, estando a música a cargo da “Bandinha da Moca” e do dj “Topeka”.

 

 

 

 

 

 

AD Footer

Artigos Relacionados

Associação de Monte de Boi tem um presidente… “ator”

É natural de Setúbal, mas ainda não tinha 1 ano de idade quando se mudou para o concelho...

Leiriense valoriza Chita de Alcobaça em marca de vestuário sustentável

A leiriense Inês Fonseca lançou recentemente uma marca de vestuário sustentável, a que deu o nome de Pandã,...

18 empresas da região distinguidas nos Wedding Awards 2023

A região viu 18 empresas serem reconhecidas, num total de seis categorias, na 10.ª edição dos Wedding Awards...

Hóquei: HC Turquel vence dérbi da região com Xavi(s) d’ouro

Vencer o dérbi diante da Biblioteca (7-5) já é bom, garantir a continuidade na liderança da Zona Sul...

Aceda ao conteúdo premium do Região de Cister!