Área Empresarial Digital de Alcobaça “nasce” na Quinta das Freiras

A Área Empresarial Digital de Alcobaça está mais perto de ser uma realidade na Quinta das Freiras. As quatro escrituras aprovadas, na reunião de Câmara de 21 de outubro, abrem caminho para a autarquia ali instalar em pavilhões “uma incubação de startups numa área industrial digital”. 

Questionado pelo vereador Carlos Bonifácio (CDS-PP) sobre o presente e futuro do Parque de Negócios na última reunião de Câmara, Paulo Inácio considerou que “o sucedâneo do Parque de Negócios é a futura área digital de Alcobaça”. Para o presidente da Câmara de Alcobaça, “há o compromisso político de a autarquia investir naqueles pavilhões, mais ou menos pré-fabricados, em open space, para possibilitar protocolos com entidades politécnicas ou universitárias ou para jovens do concelho poderem iniciar startups no concelho nessa área”. 

O social-democrata informou ainda que já está sinalizada a realização de protocolos com o Instituto Politécnico de Leiria. “Temos de nos colocar no terreno com disponibilidade concorrencial para dizer que aqui, em Alcobaça, há possibilidades de trabalho”, frisou Paulo Inácio, recordando que um dos lotes será destinado às oficinas da Câmara.

Sobre o Parque de Negócios, que o vereador do CDS-PP considera “ter perdido a importância que lhe quiseram dar em determinada data”, Paulo Inácio respondeu que a “função continua a ser cumprida”, estando lá instaladas duas empresas e provisoriamente, enquanto decorrem obras na Casa do Povo, os serviços da Segurança Social estão ali a funcionar.