Mercado de Mira de Aire será reabilitado e devolvido à comunidade

O antigo Mercado Municipal de Mira de Aire será requalificado, “dignificando o espaço”, “devolvendo a sua importância à comunidade”, “preservando as valências existentes” e, ao mesmo tempo, “potencializando novos conceitos de mercado”. A abertura do procedimento para executar a requalificação foi aprovada pelo executivo municipal na última reunião de Câmara.

O edifício, com lacunas estruturais e necessidades urgentes de manutenção, vai ser alvo de uma reestruturação global com requalificação de espaços, substituição de acabamentos (pavimentos, paredes e tetos), de bancadas e resolução de problemas de humidade. Para um “dinamismo do espaço” serão implementadas varandas para o exterior com lugar de esplanada, ficando o edifício constituído por dois pisos com entradas independentes.

Assim, o piso 0 será destinado ao mercado tradicional, com possibilidade de implementação de zonas de comércio e restauração e praça para restauração. No piso -1 a proposta assenta no conceito de espaços dedicados às artes tradicionais, nomeadamente espaços destinados à realização de oficinas, palestras ou exposições, no âmbito da promoção de artistas e artesãos locais.

Além do projeto de arquitetura, o programa de requalificação inclui a criação da imagem de comunicação e merchandising para a sua divulgação e promoção.

“Este projeto será um ponto âncora no âmbito das novas políticas da Área de Requalificação Urbana para a vila de Mira de Aire, prevendo um prazo de execução no máximo de 180 dias”, avança a autarquia, em comunicado.

O investimento ultrapassa os 300 mil euros.