Banco Alimentar recolhe 18 toneladas em Alcobaça e Nazaré

Foram recolhidas 18 toneladas e 200 quilos de bens alimentares nos supermercados e hipermercados dos concelhos de Alcobaça e Nazaré na campanha promovida pelo Banco Alimentar Contra a Fome do Oeste, que decorreu este fim de semana.

Feitas as contas, em Alcobaça foram doadas 13 toneladas e 340 quilos de bens alimentares durante os três dias da campanha, que este ano decorreu sob o mote "É bom saber que ainda há desejos que podemos tornar realidade", sendo o segundo concelho do Oeste que mais alimentos recolheu, atrás de Caldas da Rainha que juntou 17 toneladas. Na Nazaré foram recolhidas 4 toneladas e 860 quilos de alimentos.

Além das principais superfícies comerciais na cidade de Alcobaça e na vila da Nazaré, os voluntários também marcaram presença na localidade do Vimeiro.

O BAO recolheu um total de 57.263 quilos de bens alimentares nas grandes superfícies, minimercados, lojas e lugares, distribuídos pelos oito concelhos. Os resultados obtidos, não incorporando ainda a campanha Vale e a campanha online, "superaram os do ano anterior e devem-se não só à generosidade de todos quantos doaram bens alimentares, mas também aos cerca de 1.200 voluntários que, nas superfícies comerciais, nos postos de recolha rurais, nos transportes e armazém do BAO, deram o seu tempo e energia a esta acção e à concretização de valores de solidariedade", lê-se em comunicado enviado pelo BAO.

Os bens doados, juntamente com os excedentes alimentares recolhidos diariamente junto de produtores, comerciantes, supermercados e empresas do ramo alimentar, serão distribuídos, através das 62 instituições de solidariedade social com as quais o BAO tem acordo, a cerca de 10.700 pessoas comprovadamente carenciadas, sob a forma de cabazes ou de refeições confeccionadas.