Alcobaça enche-se de magia de 22 a 24 de maio

O Parque dos Monges foi, na tarde deste domingo, o local escolhido para a apresentação do 1.ºFestival Internacional de Magia de Alcobaça, que chega à cidade e à vila da Benedita entre os dias 22 e 24 de maio. O programa está distribuído entre o Parque dos Monges e o Centro Cultural Gonçalves Sapinho. No próximo ano, o presidente da Câmara quer tornar a Benedita a "vila da magia". 

Sem truques na manga, apesar de ter ficado sem um dos braços durante alguns segundos - após um momento de magia -, o presidente da Câmara de Alcobaça referiu que o evento pretende "chamar mais pessoas ao mágico concelho e dar ainda mais visibilidade ao Mosteiro, Património da Humanidade". Paulo Inácio confidenciou que apesar de Alcobaça dar nome ao evento, a intenção é afirmar, uma vez por ano, a "Benedita como a vila da magia". Será dado o primeiro passo, para que se solidifique nos próximos anos: "Precisamos de dar mais visibilidade à Benedita, criando eventos de destaque". 

Miguel Martins acredita que se trata de uma grande oportunidade para a dar a conhecer o Parque dos Monges, tendo em conta que Alcobaça vai receber 120 congressistas, entre nomes nacionais e internacionais. "Queremos dar a conhecer este espaço mágico, promovendo também produtos da terra, através da montra da Granja de Cister", afirma o diretor. 

É com a Associação Portuguesa de Ilusionismo que se escreve o primeiro capítulo do 1.ºFestival Internacional de Magia de Alcobaça. Vítor Alves, presidente daquela associação e conhecido no mundo artístico como Rovit, espera que a "população do concelho e da região responda ao apelo e apareça em massa". 

Nomes como Miguel Pinheiro, finalista do 'Got talent Portugal' (emitido pela RTP), David Sousa e o duo Tá na Manga (ambos vencedores do prémio FISM - Federação Internacional de Sociedades Mágicas) e Leandro Morgado (participante do programa da RTP 'Socorro o Meu professor é Mágico) vão andar por aí, a espalhar magia. Destaque para as presenças internacionais, Juan Tamariz (Espanha), Manolo (Venezuela), Jahn Gallo (Suécia) e Guilherme Curty (Noruega).