Alcobacense Gonçalo Byrne eleito presidente da Ordem dos Arquitetos

O arquiteto alcobacense Gonçalo Byrne tornou-se, esta sexta-feira, o novo presidente da Ordem dos Arquitetos, com a lista C sob o lema "Isto Só Vai Lá com Todos".

Os dados provisórios – os resultados definitivos deverão ser conhecidos até 8 de Julho – indicam que Gonçalo Byrne conseguiu 40,1% dos votos para o Conselho Diretivo Nacional, contra 27,7% da lista B liderada por Cláudia Costa Santos, com origens em Pataias. Em terceiro lugar ficou a lista A de Daniel Fortuna do Couto (até aqui vice-presidente da Ordem) com 21,4% e em último lugar a lista de D de Célia Gomes, com 8%.

Além do Conselho Diretivo Nacional, a lista de Gonçalo Byrne venceu também as eleições para outros órgãos nacionais como a mesa da Assembleia Geral (candidato Guilherme Machado Vaz), Conselho de Disciplina Nacional (Jorge Mealha), Conselho Fiscal Nacional (Ricardo Bak Gordon) e secções regionais (Norte, Centro, Lisboa e Vale do Tejo e Açores).

No sufrágio participaram 6.952 arquitetos, ou seja 27,31% dos eleitores que estão registados no caderno eleitoral, que elegeram os órgãos sociais da Ordem, nacionais e regionais, para o triénio 2020-2022.

Gonçalo Byrne, nascido em 1941, em Alcobaça, concluiu a formação na Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa e é Doutor Honoris Causa pela Faculdade de Arquitetura da Universidade Técnica de Lisboa e pela Universidade de Alghero, em Itália, segundo a informação disponível na página Gonçalo Byrne Arquitetos na internet.

Gonçalo Byrne sucede a José Manuel Pedreirinho, que não se recandidatou.