Sorriso Amigo abraça causas há 15 anos

Este não é um sorriso qualquer. É através da venda de rifas, canetas e caminhadas solidárias que são roubados sorrisos a todos os participantes e são doados bens materiais e valores monetários a quem mais precisa, seja pelas contas da saúde, educação ou, até, a prestação renda da casa, que tem sido difícil de sustentar.

São já 15 anos que se comcemoram desde que nasceu o Sorriso Amigo, pelas mãos de uma turma do ano 2000, no Externato Cooperativo da Benedita (ECB).
A responsável, Ana Paula Barosa, conta que “apesar de todas as dificuldades para gerir tantos pedidos de ajuda” é um trabalho que se tem tornado “extremamente gratificante para todos os que se envolvem nele”.

Os “consideráveis montantes” gastos até agora, têm-se conseguido através de doações e de vendas de plantas e rifas, bem como das esferográficas, que apenas custam um euro, e tanto têm contribuido para reescrever a estória de quem precisa.

“As pessoas precisam muito de ajuda e contam com o Sorriso Amigo para auxiliar, tanto na compra de livros para a educação das crianças, como nas despesas de saúde que não são nada baratas, entre elas os óculos que são tão necessários, por exemplo”, acrecenta a responsável pelo projeto. “Seja nas consultas de psicologia ou na angariação de eletrodomésticos, o Sorriso Amigo tornou-se imprescindível”, admite Ana Paula Barosa.

Neste momento, a próxima iniciativa já tem pés para andar, literalmente. Está prevista para o dia 17 de abril uma caminhada de 3 quilómetros, com início pelas 10 horas, em que o valor da inscrição reverte para o Sorriso Amigo.

Na linha da frente desta caminhada solidária está o aluno Luis Silva, de 18 anos, finalista do curso Profissional de Técnico, Comunicação, Marketing, Relações Públicas e Publicidade, do ECB. Foi numa aula que, em conversa com a professora Ana Paula Barosa, surguiu a ideia de caminhar pela associação de solidariedade. Luis Silva, que já tem participado noutras atividades do Sorriso Amigo, tomou a iniciativa de pôr os contactos a andar, integrando a ação de solidariedade no âmbito da sua Prova de Aptidão Profissional.

Para comemorar os 15 anos de existência, o Sorriso Amigo vai até ao Centro Cultural Gonçalves Sapinho, no próximo dia 10 de abril, por volta das 18:30 horas, concluindo, assim, a Semana Cultural do ECB.