Amigos viajam até Marrocos de 4L para levar bens às crianças

Um grupo de amigos beneditenses e alcobacenses está de partida, esta sexta-feira, para Marrocos com uma missão muito especial: à boleia de três Renault 4L vão participar no Ráli Solidário UniRaid, com o objetivo de distribuir material a crianças em aldeias de Marrocos, que só são possíveis de aceder com carro. 

Ler mais…

Destaques da edição de 13 de fevereiro

A polémica em torno do Centro de Acolhimento de Alfeizerão e as milhares de pessoas que se deslocaram à Praia do Norte para assistir ao Nazaré Tow Surfing Challenge fazem manchete e destaque fotográfico, respetivamente, na edição desta quinta-feira.

Ler mais…

Pastelaria Juncalense dá nas vistas com biscoitos do Juncal

Falar da Pastelaria Juncalense é falar dos biscoitos do Juncal, um dos doces mais tradicionais do concelho de Porto de Mós. O estabelecimento comercial está aberto há 23 anos, mas a proprietária já se dedica à produção destes biscoitos há 45 anos, o que pode bem explicar o sucesso desta “Casa com História”. 

Ler mais…

Confraria do Frango na Púcara quer defender tradição regional

Está oficialmente criada a “Confraria do Frango na Púcara”. Com o intuito de preservar os valores e as tradições do concelho de Alcobaça, 23 confrades, de diferentes zonas do País e até provenientes de além-fronteiras, assinaram, a 25 de janeiro, no Cartório Notarial de Alcobaça, o documento que formaliza, oficialmente, a associação.

Ler mais…

Marcampo caminha para meio século de memórias em Alfeizerão

O café restaurante Marcampo segue para meio século de memórias na freguesia de Alfeizerão. Já se sopraram as velas por 42 ocasiões e o objetivo é continuar o legado familiar que se iniciou na década de 70 do século passado por uma família que residia no Gaio, no Vimeiro.

Ler mais…

Verba da madeira do incêndio em Pataias aplicada na reflorestação

Na sequência do grande incêndio de 2017, que consumiu cerca de 3 mil hectares de pinhal em Pataias, a Câmara de Alcobaça transferiu cerca de 300 mil euros para a União de Freguesias de Pataias e Martingança (UFPM) provenientes da venda da madeira ardida.

Ler mais…

Páginas